sábado, 30 de novembro de 2013

Uma notícia triste... Faleceu o David Carvalho... Paz para ele..., por Leonel Pereira da Silva

Leonel Pereira Silva

David Carvalho

No seguimento da má notícia que vos dei ontem (falecimento do camarada David Carvalho) e no enquadramento do que o Horácio Cunha bem descreve das muitas qualidades do DAVID, vem a propósito nesta altura partilhar convosco o seguinte.
 
No mês de Julho dia 14 era o aniversário dele, eu estava de férias no algarve e telefonei-lhe a dar os parabéns, foi quando fiquei a saber que ele tinha ido a uma consulta porque a Graça a esposa tinha insistido c/ ele pois notava que ele estava a perder força (ele ia a pé diariamente almoçar a casa e chegava muito cansado, o que nele que parecia vender saúde, era estranho), entretanto regressei e ele estava a aguardar resultados de alguns exames, mas a esposa estava muito pessimista, ele, se estava disfarçava bem.
 
Fomos, eu e a minha esposa, acompanhando a situação sobretudo com visitas a casa deles e ele muito confiante que tudo se ia ultrapassar quando os exames "disseram" que já não suportava a quimioterapia ou radioterapia foi-se muito abaixo, continuou medicado na esperança de poder fazê-lo mas infelizmente não foi possível.
 
Nas nossas conversas, quase sempre falávamos da guerra, até porque às vezes era uma maneira de eu o distrair, e esse tema e o futebol eram-lhe muito aliciantes.
 
Perguntei-lhe um dia se ele tinha ido à página do Batalhão, ele disse-me que não, e percebi que isso era uma coisa que o fazia sofrer, perguntei-lhe se ele queria que eu divulgasse ou informasse alguém da doença dele e ele disse-me que não.
 
A mim cabia-me respeitar e assim fiz.
 
Sempre que eu visitava ou comentava aqui na página, o tinha presente.
 
Este relato serve para vos informar mais acerca da doença dele (que teve origem nos intestinos), mas também serve para eu desabafar convosco destes meses que o acompanhei mais à Graça, os filhos Pedro e Ana e a neta Camila, que deu os primeiros passos durante a doença dele.
 
Ele esteve sempre muito consciente e lúcido até ao último momento, com nos deu conta a Graça hoje pela manhã.
 
Que Deus o tenha em descanso.